Açúcar faz mal ou existe algum benefício em seu consumo?

Açúcar – Blog

Açúcar é o nome genérico dado no processo descoberto pelos indianos de transformar o caldo de cana em cristais de açúcar, que eram mais fáceis de se armazenar e transportar. Naquela época, a cana-de-açúcar foi uma cultura de acesso limitado e açúcar uma mercadoria rara durante muito tempo. Mas hoje a consumimos em excesso, que ironia do destino não é mesmo?!

Este processo de transformação pode ter vários resultados de tipos, os mais conhecidos são:

  • Refinado / branco
  • Cristal
  • Demerara
  • Mascavo

Porém, um tipo especifico de açúcar é o “açúcar de adição”. Utilizado por empresas e industria para conferir sabor doce aos alimentos.

Além do que, existem mais de um tipo de açúcar de adição, como por exemplo: o açúcar invertido e a maltodextrina.

Quais são as recomendações sobre o consumo de Açúcar?

Segundo o Guia Alimentar para População Brasileira, o consumo de açúcar, se feito com moderação (em pequenas quantidades) e não como um hábito diário, pode contribuir com as preparações culinárias (à base de alimentos in natura e minimamente processados), sem que seja um fator de risco para a saúde.

Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde) o consumo do açúcar pode:

  • Elevar a quantidade calórica total diária;
  • Diminuir a ingestão de alimentos balanceados, como por exemplo, frutas;
  • Contribuir para o desenvolvimento de caries dentarias.

Assim, a OMS sugere como recomendações, a baixa ingestão de açúcares livre, para menos de 5% da ingestão calórica total, ou seja, para uma dieta de 2.000 kcal, a ingestão açúcar não deve chegar a 25 g diárias. Além do que, a ingestão de açúcar na tentativa de aumentar a ingestão calórica diária (para ganho de peso) não é uma boa estratégia e não é recomendado.

Então posso consumir açúcar?

Se você tem um padrão/hábito alimentar balanceado, que consegue manter durante a semana e durante o final de semana, uma ou outra refeição onde tenham alimentos com açúcar ou que você faça adição de açúcar, não será um problema. Neste caso a resposta é SIM, você pode consumir!

Assim, o problema do consumo de açúcar está no exagero, na compulsão, na dificuldade em voltar ao padrão/hábito alimentar após o consumo de uma refeição com açúcar e na falta de conhecimento da leitura de rótulos, pois muitas vezes consumimos alimentos que nem imaginamos do que são compostos ou que contenha açúcares.

Como saber quanto de açúcar estou ingerindo?

É comum depararmos com esta pergunta, afinal quanto de açúcar tem em cada alimento? Uma forma de rastrear é lendo o rótulo dos alimentos e fazer um diário alimentar. Com o aplicativo Vitamenu você tem a contabilização total de açúcar ingerido assim como diversas outras vitaminas e minerais. O Vitamenu pode ser usado em Android ou iOS e é Grátis. Já está usando? Ainda não? É só clicar aqui para instalar.

 

Referências Bibliográficas:

Brasil. Ministério da Saúde: Desmistificando dúvidas sobre alimentação e nutrição.Brasília: Ministério da Saúde, 2016. 166p.

Brasil. Ministério da Saúde: Guia Alimentar Para a População Brasileira.Brasília: Ministério da Saúde, 2014. 158p.

LEVY, Renata Bertazzi, et al., Disponibilidade de “açúcares de adição” no Brasil: distribuição, fontes alimentares e tendencia temporal. Rev Bras Epidemiol. v.15, n1, p. 3-12 , 2012.

SOUZA, Amanda de M, et al., Alimentos mais consumidos no Brasil: Inquérito Nacional de Alimentação 2008-2009. Rev. Saúde Pública. 2013; v. 47 (1 supl), p.190-199.

 

Que tal esses outros artigos?